quarta-feira, 27 de maio de 2015

Chegou a hora

Imagem da Internet
Tribunal do Júri decidirá se Nenê continuará preso

O Tribunal do Júri de Brasília julga nesta quarta-feira (27), a partir das 9h, o fundador da empresa aérea Gol, Nenê Constantino, acusado de mandar matar o ex-genro Eduardo Queiroz Alves. O crime ocorreu em 2008, no Setor de Garagens. Constantino cumpre medidas restritivas em razão deste caso. E responde a outros dois processos por motivo semelhante.

Atualização 12:01 - O julgamento foi remarcado para o dia 16/06, com alegação de que Nenê Constantino está hospitalizado.

Nenhum comentário:

Postar um comentário