terça-feira, 5 de maio de 2015

Chegou a hora

Imagem da Internet
Bernardino comandou a Saúde na gestão Roriz

Os conselheiros do Tribunal de Contas do DF decidem na próxima quinta-feira (07) a aplicação de penalidades a Arnaldo Bernardino, secretário de Saúde no governo Joaquim Roriz. O processo no TCDF se arrasta desde 2008 e foi aberto a partir do relatório da CPI da Saúde, da Câmara Legislativa. Os distritais concluíram que houve pagamento irregular ao Hospital Santa Juliana, entre 2002 e 2005. Como consequência o Tribunal definiu multa de R$ 23 mil  e a inabilitação, pelo período de cinco anos, para o exercício de cargo em comissão ou função de confiança no âmbito do DF. O que está em jogo agora é justamente a aplicação dessa punição.

Nenhum comentário:

Postar um comentário