sexta-feira, 8 de maio de 2015

Punição

Imagem da Internet
Servidores do GDF: combustível para uso pessoal

O Ministério Público denunciou por crime de peculato dois servidores do GDF. O ex-gerente de transportes da Secretaria de Governo, Josenildo Nô da Silva, e o policial Sérgio de Araújo Mota são acusados de se apropriar de veículo oficial e de crédito para aquisição de combustível em próprio proveito. Segundo o MP, o policial ajudava Josenildo no controle de registros da frota de carros pertencentes ao GDF. Os dois podem ser condenados a pena de reclusão, que varia de dois a 12 anos, e ao pagamento multa.

Nenhum comentário:

Postar um comentário