quarta-feira, 3 de junho de 2015

Nos corredores...


REBATE - O deputado distrital Raimundo Ribeiro classifica como "precipitada" a informação de que o federal Izalci Lucas é o novo presidente do PSDB no DF. Segundo ele, o atual presidente da legenda, Eduardo Jorge, não se pronunciou sobre a questão. "Ele também não se encontrou com o presidente nacional, senador Aécio Neves, para tratar do tema como tem sido divulgado em alguns veículos".

REBATE 2 - O deputado federal Izalci Lucas (PSDB) é outro que fez questão de desmentir a informação de que teria sido escolhido pela executiva nacional o novo presidente da legenda no DF. "Não houve nada disso. Estamos construindo um consenso", contou.

ALFINETADA - Ex-secretário de Saúde, o médico Rafael Barbosa (PT) usou as redes sociais para alfinetar a atual gestão. Postou reportagem mostrando que o aparelho de radioterapia do Hospital de Base está quebrado há 28 dias. Complementou com a seguinte frase: "Daqui a pouco estaremos novamente encaminhando nossos pacientes para radioterapia em Anápolis".

ALFINETADA 2
- Já Dedé Roriz (PRTB) usou o perfil pessoal para cobrar da distrital Celina Leão (PDT) a entrega dos cargos que indicou no GDF - uma vez que deixou a base governista. No vídeo, o comunicador e ex-candidato a deputado distrital cobra coerência da parlamentar. "Que ela abra mão de todos os comissionados e dos dois postos de administradores regionais que indicou", disse.

COBRANÇA - Ao fazer o discurso em Plenário, a distrital Celina Leão (PDT) afirmou que sai da base por conta do "número de petistas que continuam no governo". Chegou a citar alguns nomes. Entre eles o do jornalista Ricardo Taffner - que permanece na Casa Civil.

COBRANÇA 2 - O que, aparentemente, Celina não sabe é que vínculo dele com Hélio Doyle é anterior ao governo do PT. Taffner prestou serviço para a empresa de Doyle em 2008, atendendo clientes como a Campo da Esperança. Ou seja: não é um petista. É um profissional que tem bom trânsito pelo trabalho sério que sempre realizou.

CURTAS
- A Inframérica, que administra o Aeroporto de Brasília, informa que o terminal vai receber 51 mil passageiros por dia durante o feriadão. Serão 2.796 voos até segunda-feira (08);

- O posto da PM da rodoviária do Gama, que havia sido fechado nesta semana sem explicação, foi reaberto;

- O deputado federal Fraga (DEM) também resolveu sair às ruas para coletar assinaturas a favor da redução da maioridade penal;

- O distrital Rodrigo Delmasso (PTN) lamentou "a derrota da família" na Comissão de Educação da Câmara Legislativa. Motivo? Inclusão de educação sexual para crianças nas escolas;

- De um governista, ontem (02), após a deputada Celina Leão (PDT) anunciar a saída da base do governo: "Crise gera oportunidades. A saída dela é bom para nós, que agora teremos mais espaço".

Nenhum comentário:

Postar um comentário