terça-feira, 6 de junho de 2017

Briga

Imagem da Internet
Cristovam não deverá pagar indenização

O conselheiro Manoel de Andrade, do Tribunal de Contas do DF, processou o senador Cristovam Buarque (PPS). Em uma entrevista, o parlamentar disse que pessoas ligadas ao conselheiro e ao ex-senador Luiz Estevão tentaram matá-lo quando era governador do DF. Manoelzinho entrou com ação de indenização. Ganhou R$ 10 mil. Houve recurso, e o Tribunal de Justiça do DF entendeu que Cristovam não deveria pagar a indenização por causa da imunidade parlamentar.

Nenhum comentário:

Postar um comentário